Mario Barbará na luz

Partiu Marinho Barbará nessa manhã. Cumpriu sua missão na terra.

O cantor e compositor passou por Uruguaiana na última edição da Califórnia da Canção Nativa do Rio Grande do Sul.

Se apresentou em dezembro de 2017 como concorrente com a toada “Tatuagens”, letra de  Gilberto Carvalho e música de Lenin Nuñez.Também foi atração no intervalo da segunda noite lançando seu último trabalho, o DVD Desgarrados, com Chico Saratt.

Teve a chance de receber os aplausos calorosos dos inúmeros admiradores de sua arte e carreira na Fronteira Oeste.

Estivemos lá. Unimos nossos gritos e aplausos aos da platéia na mais poderosa prece que poderia ser feita para o cantor e compositor. A do reconhecimento e agradecimentos por tantas passagens inesquecíceis para nós, que aqui permanecemos.

Vai em paz, Marinho…

Gilberto Carvalho, em Tatuagens, dá o recado…

“Não sou de mim, não sou daqui,
só sei que estou e que existi.
Semeei a luz, sonho e amor
e embora a dor sei que vivi!”

Fotos e vídeo de Valéria del Cueto, para @no_rumo do Sem Fim…

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.